Rússia diz que pode permitir exportações da Ucrânia se Ocidente encerrar sanções

O vice-ministro das Relações Exteriores da Rússia, Andrei Rudenko, afirmou nesta quarta (25) que Moscou está disposta a abrir um corredor humanitário para que navios que transportam cereais possam deixar os portos da Ucrânia no mar Negro. Mas há um preço.

O vice-chanceler disse que sanções contra a Rússia teriam de ser levantadas pelo Ocidente e que Kiev deveria “retirar as minas” colocadas no local, disputado desde o início da invasão.

“A resolução do problema alimentar global requer um ponto de vista compreensivo, que implica sobretudo o fim das sanções contra exportações e transações financeiras russas”, disse Rudenko, segundo a agência Interfax.

Rússia e Ucrânia respondem por quase um terço dos estoques globais de trigo. Mais de 20 milhões de toneladas de grãos estão presos em território ucraniano. O país também é um grande exportador de milho e óleo de girassol.

 

*Folhapress




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *