Progressistas ficam fora do segundo turno na disputa às prefeituras de SP e Rio, diz pesquisa

Pesquisas realizadas pelo Instituto Paraná Pesquisas entre os dias 15 e 19 de agostos, revela que os candidatos progressistas não iriam para o segundo turno nas duas principais capitais do país, caso as eleições fossem hoje.

Tanto em São Paulo, quanto no Rio de Janeiro, os pré-candidatos de partidos de esquerdas não se encontram entre os dois primeiros melhores colocados na pesquisa estimulada.

Na espontânea – quando não são revelados os nomes dos candidatos – realizada na capital, Fernando Haddad (PT), que não entrará na disputa, está em segundo lugar, com 1,9% das intenções de voto, atrás apenas do atual prefeito, Bruno Covas (PSDB).

São Paulo
Em São Paulo, na pesquisa estimulada, Celso Russomano (PP) e Bruno Covas são os melhores colocados, com 20,5% e 20,1% respectivamente. Marta Suplicy (MDB), que não se encontra mais no campo progressista, aparece em terceiro lugar, com 9,8%, seguida de Paulo Skaf (MDB), com 8%, e Márcio França (PSB), 7,6%, ambos ligados a Jair Bolsonaro.

Na sequência, aparece, então, Guilherme Boulos (PSOL), com 6,2%, seguido de Jilmar Tatto (PT), com 2,3% – 0,2 pontos porcentuais à frente de Andrea Matarazzo (PSD). Arthur do Val (Patriota), tem 1,9% das intenções de voto.

Rio de Janeiro
Na capital fluminense, Marcelo Freixo (PSOL), que não é pré-candidato, aparece com 0,8% das intenções de voto na pesquisa espontânea – atrás de Marta Rocha (PDT), Marcelo Crivella (Republicanos) e Eduardo Paes (DEM) – 1,2%, 5,7% e 7,6%, respectivamente.

Na estimulada, Eduardo Paes e Crivella – 28,6% e 15,4% – são os dois primeiros colocados, seguidos da delegada Martha Rocha, que tem 9,3%.

Benedita da Silva (PT) aparece em seguida, com 7%, seguida de Cabo Daciolo (Patriotas), 5,1%, Clarissa Garotinho (PROS), 3,1%, e Paulo Marinho (PSDB), 1,5%. Renata Souza, do PSOL, tem 0,9% das intenções de voto, à frente apenas de Paulo Messina (MDB), com 0,4%.

 

*Revista Fórum




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *