Portugal registra mais 49 mortos e 1.160 casos confirmados de Covid-19

Portugal contabilizou, nas últimas 24 horas, mais 49 óbitos e 1.160 contágios de Covid-19, informou nesta quinta-feira a Direção-Geral da Saúde (DGS).

O número de mortos reportado hoje é o mais baixo desde 8 de novembro do ano passado, quando foram registradas 48 vítimas mortais. Quanto aos infectados, o número de casos diários desta quinta-feira é o baixo desde 11 outubro de 2020, dia em que foram identificados 1.090 contágios em 24 horas.

De ontem para hoje, verifica-se um aumento de 0,30% no número de mortos e de 0,14% no de casos confirmados de Covid-19. Portugal passa agora a contar com 16.185 óbitos e 801.746 infecções pelo novo coronavírus, desde o início da pandemia.

O número de casos ativos também continua a baixar, sendo que, neste momento, há 73.848, menos 1.548 do que na véspera, e o de pessoas vigiadas pelas autoridades de saúde também diminui, com um total hoje de 57.694 casos, menos 5.708 do que ontem.

Mais 2.659 pessoas diagnosticadas com Covid-19 se recuperaram no país nas últimas 24 horas, elevando o número total de pessoas dadas como curadas da doença para 711.713.

Ainda segundo a DGS, no que diz respeito aos internamentos, atualmente estão hospitalizados 2.613 pacientes em todo o território português, menos 154 do que na quarta-feira, sendo que, destes, 536 estão internados em Unidades de Cuidados Intensivos, menos 31 do que ontem.

Por regiões, o Norte do país reporta, desde o aparecimento do primeiro caso de Covid-19, 325.558 infectados (mais 326) e 5.186 mortos (mais 11). Lisboa e Vale do Tejo contabiliza 303.331 casos (mais 546) e 6.758 vítimas mortais (mais 28) e a zona Centro soma 114.580 contágios (mais 137) e 2.882 óbitos (mais cinco). Já o Alentejo conta com 28.330 infectados (mais 22) e 935 mortos (mais dois) e o Algarve 19.989 casos (mais 45) e 335 vítimas mortais (mais três).

Nas regiões autônomas, os Açores registra 3.731 contágios (mais três) e 28 óbitos e a Madeira reporta 6.227 infectados (mais 81) e 61 mortos. Nos arquipélagos não foram registradas vítimas mortais nas últimas 24 horas.

 

*Folhapress




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *