Palmeiras vai ao Sul para aproveitar crise do Grêmio e encostar nos líderes

A grande crise do adversário deste domingo, o Grêmio, é o trunfo para o Palmeiras se dar bem em Porto Alegre nesta rodada do Campeonato Brasileiro. Invicto na competição e em situação muito positiva na Copa Libertadores, o time do técnico Vanderlei Luxemburgo vive uma tranquilidade que lhe permite estar confiante para se aproveitar do péssimo momento da equipe gaúcha. A partida começa às 16h.

A vitória no Arena do Grêmio faria o Palmeiras conseguir encostar nos líderes da competição. E crer no resultado positivo mesmo longe de São Paulo parece bem possível. O time alviverde tem se saído muito bem longe dos seus domínios. Nas últimas cinco partidas como visitante, foram quatro vitórias, três delas pelo Campeonato Brasileiro e a outra pela Copa Libertadores, na altitude de La Paz.

O aparente favoritismo palmeirense para a partida em Porto Alegre aumenta principalmente pelo momento ruim do Grêmio. A campanha abaixo do esperado no Brasileiro e a derrota no meio de semana para a Universidad Católica, pela Libertadores, levaram o time a ser recebido com protestos no retorno para casa. O presidente Romildo Bolzan demitiu o diretor executivo de futebol, Klauss Câmara, e avalia novas mudanças.

O próprio técnico Renato Gaúcho vive intensa pressão. “Se achar que estou atrapalhando, vou ser o primeiro a sair. Ainda mais no clube que amo, que me dedico há quatro anos”, disse na sexta-feira. A situação é tão tensa no Grêmio que o foco do time está dividido entre se recuperar da campanha irregular no Campeonato Brasileiro e se preparar para o clássico decisivo da próxima quarta contra o Internacional, pela Copa Libertadores.

Em situação oposta à essa crise, o Palmeiras voltou da Bolívia com a vaga praticamente certa nas oitavas de final da competição continental e com alguns jogadores recuperados. O volante Patrick de Paula, o meia Lucas Lima e o atacante Luiz Adriano apresentaram elevado desgaste muscular e não atuaram em La Paz. Mesmo assim o time ganhou por 2 a 1 e o trio agora está à disposição.

A grande novidade deve ser o retorno do zagueiro e capitão Felipe Melo. A última partida dele foi a final do Campeonato Paulista, contra o Corinthians. Desde então o defensor passou por um longo processo para se recuperar de lesão na coxa esquerda. Para readquirir o ritmo de jogo, ele até treinou com o elenco sub-17 do clube na última semana ao lado do filho, Linyker, que é lateral-direito e integra as categorias de base.

 

*Folhapress




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *