MPF investiga desabastecimento de vacina antirrábica no Cariri cearense

O Ministério Público Federal (MPF) instaurou inquérito para apurar irregularidades que resultaram no desabastecimento geral de vacina antirrábica e soro (imunoglobulina humana antirrábica) para tratamento de raiva humana (hidrofobia) no sistema público de saúde do município de Juazeiro do Norte, no Cariri cearense.

De acordo com o procurador da República Celso Leal, responsável pela investigação, há várias relatos de pessoas enquadradas em situação de urgente profilaxia pós-infecção, inclusive por contato (mordida) de animais silvestres, que estão aguardando início do tratamento em razão do desabastecimento.

No inquérito, o MPF deve apurar os atos omissivos e comissivos da administração pública encarregada da gestão do Sistema Único de Saúde (SUS) que culminaram no desabastecimento, para tomar posteriores medidas necessárias no âmbito da investigação judicial.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *