Lincoln marca, Brasil vence a Argentina, mas não se classifica para o Mundial. Equador é campeão inédito

Com a vitória, o Brasil finaliza o hexagonal na quinta colocação, com cinco pontos – mesma pontuação da Colômbia, que fica com a quarta e última vaga no Mundial da Polônia por conta do saldo de gols. Esta é a terceira vez nas últimas quatro competições sul-americanas que o Brasil fracassa e não consegue a vaga para a competição mundial da categoria – a segunda consecutiva.

O técnico Carlos Amadeu, que dificilmente continua na CBF sob a coordenação da base do ex-jogador Branco, escalou equipe bem ofensiva. O Brasil foi para cima da Argentina e criou bem mais que nas outras partidas, o que não era difícil. Mas mostrou a dificuldade dos outros oito jogos no Sul-Americano: quando chegava na área, finalizava mal. Na ponta, o cruzamento ou o passe era cortado. O gol saiu de pênalti após Lincoln perder excelente oportunidade dentro da área.

 

*Gazeta Esportiva




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *