Gal Costa grava participação em disco de Péricles Cavalcanti, compositor que lançou há 45 anos

Enquanto não retoma a turnê nacional do show A pele do futuro, Gal Costa arrumou tempo para gravar participação em música do disco que o compositor carioca Péricles Cavalcanti planeja lançar até o fim deste primeiro semestre de 2019.

A participação de Gal no EP do artista é realmente especial porque foi a cantora baiana quem lançou Péricles Cavalcanti em disco há 45 anos.

Em 1974, Gal deu voz à primeira música gravada do compositor, Quem nasceu?, incluída no disco ao vivo Temporada de verão, registro de show que reuniu Gal com Caetano Veloso e Gilberto Gil na Bahia entre janeiro e fevereiro daquele ano de 1974. Ainda naquele ano, Gal gravou O céu e o som no álbum Cantar (1974).

Três anos depois, em 1977, Gal lançou Negro amor, versão em português de It’s all over now, baby blue (Bob Dylan, 1965), escrita por Péricles com Caetano Veloso para a cantora gravar no álbum Caras e bocas (1977), em cujo repertório a cantora também apresentou um reggae do compositor, Clariô.

 

*Metrópoles




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *