Dom Phillips e Bruno Pereira serão homenageados em cerimônia em São Paulo

O jornalista britânico Dom Phillips e o indigenista Bruno Pereira, assassinados na Amazônia, serão homenageados em uma celebração na Igreja São Domingos, na sexta-feira (1º), em São Paulo.

O ex-ministro da Justiça José Gregori, o monge budista Ryozan Sensei, o ator Celso Frateschi e o povo indígena Pankararu Guarani do Pico do Jaraguá devem participar da cerimônia, prevista para as 19h.

Dom Phillips e Bruno Pereira foram mortos no início do mês, no Vale do Javari (AM). As mortes jogaram pressão sobre o presidente Jair Bolsonaro (PL) ao evidenciar a atuação de grupos criminosos na Amazônia. Pesquisa Datafolha divulgada no sábado (25) aponta que 49% dos brasileiros acreditam que o governo fez menos do que deveria para investigar o caso.

As autoridades já prenderam três homens suspeitos pelas mortes. Foi a partir da confissão de culpa de um deles, o pescador Amarildo da Costa Oliveira, o Pelado, que a PF encontrou os corpos das vítimas, na região do Vale do Javari.

 

*Folhapress




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *