Câmara de Juazeiro recebe secretário de Finanças para esclarecer denúncias

A Câmara recebeu, na sessão dessa terça-feira, 23, o secretário de Finanças do município, Paulo André Pedroza de Lima, para esclarecer fatos ocorridos na sua pasta. Alguns servidores da Secretaria o acusaram de praticar assédio moral, após terem sido remanejados da pasta, no último mês de outubro.

A convocação foi feita pelo vereador Janú, que fez vários questionamentos ao secretário, perguntando porquê existem funcionários que recebem mais, e não foram afastados. O vereador apontou, também, que há um servidor recebendo R$ 13 mil, cedido para o município do Crato.

Paulo André disse que a prefeitura do Crato reembolsa o município de Juazeiro, devolvendo os valores pagos, mensalmente.

O secretário nega ter praticado o assédio moral, explicando que apenas devolveu os servidores às suas secretarias de origem, para onde foram concursados. Segundo ele, a medida foi tomada para cortar gastos, já que cada servidor recebe uma gratificação atuando nas Finanças do município. O secretário afirma que o trabalho de enxugamento de folha deve continuar, pois é preciso cumprir a Lei de Responsabilidade Fiscal.

Reunião de Colégio de líderes

Outro assunto discutido, na sessão, foi a substituição do vereador afastado Beto Primo, na Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final. Alguns vereadores se candidataram ao cargo, e a decisão foi adiada para a próxima quinta-feira.

*Foto Josimar segundo

 

 




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *