CulturaRegionalSilene Santos

Cariri será palco da 64ª edição da Feirart

Spread the love

A região do Cariri será palco da 64ª edição da Feirart. Durante três dias, os visitantes terão acesso a produtos de 80 artesãos cearenses, representados por grupos produtivos e entidades artesanais, além de artesãos individuais, de diferentes técnicas artesanais típicas das diversas regiões do Estado. O evento tem início na próxima quinta-feira e segue até sábado (6 a 8 de junho), no Centro Cultural do Cariri Sérvulo Esmeraldo, no município do Crato. As atividades começam a partir das 16h.

A tradicional feira de artesanato é promovida pela Secretaria da Proteção Social (SPS), por meio da Central de Artesanato do Ceará (CeArt), e acontece com o objetivo de valorizar e apoiar a comercialização da produção artesanal cearense. Para a coordenadora de desenvolvimento do artesanato da SPS, Germana Mourão, neste ano o evento ocupa novos espaços e visa divulgar o artesanato local, em uma ação interligada do artesanato e da cultura.

“A feira vai acontecer em uma época super festiva, com várias festas culturais relacionadas à cultura do local”, ressalta a coordenadora. Ela explica, ainda, que o evento reunirá peças de todo o Estado, mas cerca de 80% dos artesãos que vão participar da feira são da região do Cariri. “É uma super valorização do artesanato da região. O objetivo é gerar renda para os artesãos e, também, divulgar a região em vários aspectos: culturais, turísticos e muito mais. Vamos ter um espaço gastronômico, oficinas”, completa.

A secretária da Proteção Social, Onélia Santana, reforça que a realização da feira em outra região faz parte de um trabalho de regionalização das políticas públicas. “Com a feira, estamos ao mesmo tempo valorizando a cultura daquela região, promovendo um intercâmbio de saberes e movimentando recursos na economia local”, pontua.

A titular da SPS acrescenta que durante a feira, um grupo de lojistas do eixo Rio-São Paulo vai ao Cariri conhecer de perto o artesanato e seus artistas. “Essa é uma ação de fortalecimento do mercado. Convidamos esses compradores para que eles conheçam não só nossos produtos, mas também os artesãos, suas histórias e influências. Tudo isso também faz parte da peça que está sendo comprada”, destaca.

A estimativa é que 3.500 pessoas participem do evento diariamente. A feira reunirá peças em diferentes tipologias, entre elas estão couro, fios e tecidos, fibra vegetal e argila. Os saberes e tradições serão compartilhados com o público por meio da programação de oficinas artesanais de argila (modelagem); fios e tecidos (bordado à mão); e madeira (pintura). A Feirart contará, ainda, com programação musical e área de alimentação.

Exposição Racar
A edição contará com um espaço em homenagem ao artesão caririense Raimundo Caetano Rodrigues, popularmente conhecido como mestre Racar. A exposição reunirá algumas de suas produções, em memória do artesão que faleceu em 2024.

“Racar é um grande artista popular do Centro de Cultura Popular Mestre Noza, que é a maior associação de artistas populares que temos no Cariri e no Ceará. Ele morreu aos 58 anos, e é um dos artesãos que a CeArt levou para Paris, onde aconteceu a primeira exposição da arte popular cearense, no Carrossel do Museu do Louvre”, ressalta a coordenadora de desenvolvimento do artesanato da SPS.

Sua produção representava, através do entalhamento na madeira, elementos do folclore do Sertão do Cariri, como lendas populares, religiosidade e o cenário urbano de seu cotidiano.

Programação
Quinta-feira (6 de junho)

16h – Abertura da Feira e Cadastro feirantes
17h – Cerimônia de Abertura
18h – 1ª Oficina da Noite
20h – Apresentação Musical – CeArt
21h – Encerramento

Sexta-feira (7 de junho)

16h – Abertura da Feira e Cadastro feirantes
18h – 1ª Oficina da Noite
20h – Apresentação Musical – CeArt
21h – Encerramento

Sábado (8 de junho)

16h – Abertura da Feira e Cadastro feirantes
18h – 1ª Oficina da Noite
20h – Apresentação Musical – CeArt
21h – Encerramento

Serviço
64ª Feirart – edição Cariri

Quando: 6 a 8 de junho, de 16h às 22h
Onde: Centro Cultural do Cariri Sérvulo Esmeraldo, Crato
(Av. Joaquim Pinheiro Bezerra de Menezes, 1, Gizélia Pinheiro – Batateiras)

*ASCOM

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo